A CONTRIBUIÇÃO DO TEXTO DE DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DOS CICLOS BIOGEOQUÍMICOS
PDF

Palavras-chave

Science teaching
Mediation
Popular Science Divulgação científica
Mediação
Ensino de ciências

Como Citar

COSTA, W. M.; PERTICARRARI, A. A CONTRIBUIÇÃO DO TEXTO DE DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM DOS CICLOS BIOGEOQUÍMICOS. Revista Prática Docente, v. 5, n. 2, p. 922-943, 31 ago. 2020.

Resumo

Os materiais instrucionais mais utilizados nas escolas são os livros didáticos (LD). Entretanto, observa-se um uso frequente de textos de divulgação científica (TDC). O trabalho analisou como o uso de um TDC, vinculado ou não ao uso do LD, auxiliou a mediação entre professor e alunos do Ensino Médio. Os dados foram coletados através de observações de três oficinas por meio de filmagens e analisados utilizando-se a teoria de “Conversas de Aprendizagem” baseada em conversas estabelecidas por frequentadores em museus em uma perspectiva sócio cultural e adaptada para o ambiente formal. Constatou-se que a utilização de TDC articulada ao LD permitiu ao professor mediar o processo ensino/aprendizagem de forma mais enriquecedora, motivando os alunos a uma maior participação nas atividades, evidenciado pela maior frequência de conversas em diferentes categorias, e contribuindo para que a aprendizagem fosse realmente significativa.
https://doi.org/10.23926/RPD.2526-2149.2020.v5.n2.p922-943.id681
PDF

Referências

ALLEN, Sue. Looking for Learning in Visitor Talk: A Methodological Exploration. In: LEINHARDT, Gaea; CROWLEY, Kevin; KNUTSON, Karen (Eds.). Learning Conversations in Museums. Nova Jersey: LEA Publishers, 2002.

ALMEIDA, José Luís Viera de; ARNONI, Maria Eliza Brefere.; OLIVEIRA, Edson Moreira de. Mediação Pedagógica: Dos limites da lógica formal à necessidade da lógica dialética no processo ensino-aprendizagem. Anais da 29a Reunião Anual Anped, São Paulo, 2006.

BESSA, Eduardo; FRANÇA, Cecília; ARNT, Ana de Medeiros. Divulgação Científica para professores. Tangará da Serra: Ideias, 2015.

CACHAPUZ, Antonio. A Necessária renovação do ensino das ciências. São Paulo: Cortez, 2005.

CARVALHO, Ana Maria Pessoa de. Os Estágios nos Cursos de Licenciatura. São Paulo: Cengage Learning, 2012.

CARVALHO, Ana Maria Pessoa de. O ensino de Ciências e a proposição de sequências de ensino investigativas. In: CARVALHO, Ana Maria Pessoa de (Org.), Ensino de Ciências por Investigação: condições para sua implementação em sala de aula. São Paulo: Cengage Learning, 2013.

CHAVES, Taniamara Vizzotto; MACHADO, Rodrigo Batista. Uma proposta para o ensino de física com textos de divulgação científica. Atas do XVI Simpósio nacional de ensino de física, 2005. Disponível em http://www.cienciamao.usp.br/dados/snef/_espacocienciadocolegiosa_1.trabalho.pdf Acesso em 04 maio 2017.

COLAÇO, Veriana de Fátima Rodrigues; PEREIRA, Eleonora; NETO, Francisco Edmar Pereira; CHAVES, Hamilton Viana; SÁ, Ticiana Santiago de. Estratégia de mediação em situação de interação entre crianças em sala de aula. Estudos de Psicologia, v. 12, n.1, p. 4,7-56, 2007. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-294X2007000100006 Acesso em 10 mar. 2016

DELIZOICOV, Demétrio; ANGOTTI, José André; PERNAMBUCO, Marta Maria. Ensino de Ciências: fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez, 3 ed., 2009.

FERREIRA, Luciana Nobre de Abreu; QUEIROZ, Salete Linhares. Textos de Divulgação Científica no Ensino de Ciências: uma revisão. Alexandria, v. 5, n. 1, p. 3-31, 2012. Disponível em https://periodicos.ufsc.br/index.php/alexandria/article/view/37695 Acesso em 03 mar. 2016.

FREITAS, M. T. A. Vygotsky e Bakhtin – Psicologia e educação: Um intertexto. São Paulo: Ática, 4ed, 2000.

FREITAS, Olga. Equipamentos e materiais didáticos. Brasília: Universidade de Brasília, 2009. Disponível em http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=614-equipamentos-e-materiais-didaticos&Itemid=30192. Acesso em: 28 mar. 2016.

GIL, Antônio Carlos. Pesquisa social. São Paulo: Atlas, 1999.

La TAILLE, Yves de; OLIVEIRA, Marta Kohl; DANTAS, Heloysa. Piaget, Vygotsky, Wallon: teorias psicogenéticas em discussão. São Paulo: Summus editorial, 1992.

LOIOLA, Lidiane; ZANCUL, Mariana de Senzi; BIZERRIL, Marcelo. Uso de textos de divulgação cientifica no desenvolvimento de temas de Educação em Saúde na Educação de Jovens e Adultos (EJA). Atas do IX Encontro Nacional de Pesquisa em Educação Ciências – IX ENPEC, 2013. Disponível em http://abrapecnet.org.br/atas_enpec/ixenpec/atas/resumos/R0576-1.pdf Acesso em 10 set. 2016.

LOUREIRO, Carlos Frederico B. Educar, participar e transformar em educação ambiental. Revista Brasileira de Educação Ambiental, v. 0, p. 13-20, 2004. Disponível em http://assets.wwfbr.panda.org/downloads/revbea_n_zero.pdf#page=13 Acesso em 22 jan. 2017.

LÜDKE, Menga; ANDRÉ, Marli Eliza Dalmazo Afonso de. Pesquisa em Educação: Abordagens Qualitativas. Ed. EPU, 2 ed.: Rio de Janeiro, 2014

MARTINS, José Carlos. Vygotsky e o Papel das Interações Sociais na Sala de Aula: Reconhecer e Desvendar o Mundo. Série Idéias. n. 28, p. 111-122. São Paulo: FDE, 1997. Disponível em http://www.crmariocovas.sp.gov.br/pdf/ideias_28_p111-122_c.pdf Acesso em 20 mar 2016.

MARTINS, Isabel: NASCIMENTO, Tatiana Galieta; ABREU, Teo Bueno de. Clonagem na sala de aula: um exemplo do uso didático de um texto de divulgação. Investigações em Ensino de Ciências, v. 9, n. 1, p. 95-111, 2004. Disponível em https://www.if.ufrgs.br/cref/ojs/index.php/ienci/article/view/536 Acesso em 3 fev. 2018.

MICELIA, Bruna Sarpa; ROCHA, Marcelo Rocha. Análise de Textos de Divulgação Científica sobre Genética Inseridos em Livros Didáticos de Biologia. Alexandria, v. 12, n. 2, p. 121-138, 2019. http://dx.doi.org/10.5007/1982-5153.2019v12n2p121 Acesso em 30 ago. 2020.

PAGLIARINI, Cassiano Rezende; ALMEIDA, Maria José P. M de. Leituras por alunos do ensino médio de textos de cientistas sobre o início da física quântica. Ciência e Educação, v. 22, n.2, p. 299-317, 2016. https://doi.org/10.1590/1516-731320160020003 Acesso em 3 abr. 2018.

PILETTI, Nelson. Psicologia da aprendizagem: da teoria do condicionamento ao construtivismo. São Paulo: Contexto, 2015.

REGO, Teresa Cristina. Vygotsky: uma perspectiva histórico-cultural da educação. Petrópolis: Vozes, 1994.

ROCHA, Marcelo Borges. Textos de divulgação científica na sala de aula: a visão do professor de ciências. Revista Augustus, v. 14, n. 29, p. 24-34, 2010. Disponível em http://apl.unisuam.edu.br/augustus/pdf/ed29/rev_augustus_ed29_02.pdf

ROCHA, Marcelo Borges. O potencial didático dos textos de divulgação científica segundo professores de ciências. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, v. 5, n.2, p. 47-68, 2012. Doi: 10.3895/S1982-873X2012000200005 Acesso em 10 out. 2017.

ROSA, Ana Paulo; GOI, Mara Elisângela Jappe. A utilização de textos de divulgação científica no ensino de Química. Research, Society and Development, v. 9, n. 6, e123963480, 2020. http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i6.3480 Acesso em 28 ago. 2020.

SCARPA, Daniela Lopes; SILVA, Maíra Batistoni. A Biologia e o ensino de Ciências por investigação: dificuldades e possibilidades. In: CARVALHO, Ana Maria Pessoa de (Org.), Ensino de Ciências por Investigação: condições para implementação em sala de aula.São Paulo: Cengage Learning, 2013.

SILVEIRA, Mariana Leite da; ARAUJO, Magnólia Fernandes Florêncio de. O papel do livro didático de biologia na opinião de professores em formação: implicações sobre a escolha e avaliação. Revista da SBEnBIO, v. 7, p. 5594-5605, 2014.

VAN DER VIER, Rene; VALSINER, Jaan. Uma Síntese. São Paulo: Loyola, 7 ed., 2006.

VYGOTSKY, Lev Semenovitch. (2013). A formação social da mente. São Paulo: Ed. Martins Fontes, 2013.

VYGOTSKY, Lev Semenovitch. Pensamento e linguagem. São Paulo: Ed. Martins Fontes, 2011.

Creative Commons License

Este trabalho está licensiado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2020 A Revista Prática Docente tem o direito de primeira publicação

Downloads

Não há dados estatísticos.