PESQUISA ETNOGRÁFICA COM BASE NA INTERAÇÃO DIALÓGICA: POSSIBILIDADES E DESAFIOS
PDF

Palavras-chave

Ethnography
Dialogic interaction
Field data
Ethnographic writing Etnografia
Interação dialógica
Dados de campo
Escrita etnográfica

Como Citar

FONSECA, J. C. R. DA. PESQUISA ETNOGRÁFICA COM BASE NA INTERAÇÃO DIALÓGICA: POSSIBILIDADES E DESAFIOS. Revista Prática Docente, v. 5, n. 2, p. 1449-1458, 31 ago. 2020.

Resumo

O objetivo deste artigo é refletir acerca da importância da pesquisa etnográfica, com base na interação dialógica, tendo como pressupostos a singularidade, o respeito e a riqueza do encontro entre pesquisador e interlocutor. Também debate o desafio de ir a campo e coletar dados para a análise de fenômenos sociais. Em termos metodológicos, a pesquisa tem caráter qualitativo, de natureza básica e descritiva, a partir do procedimento bibliográfico. O artigo encerra observando que, de um lado, a pesquisa deve se precaver de armadilhas interpretativas do senso comum; e de outro, sob a dimensão dialógica, vislumbra a oportunidade de construir uma visão mais coerente, interativa e crítica da realidade.
https://doi.org/10.23926/RPD.2526-2149.2020.v5.n2.p1449-1458.id806
PDF

Referências

AMARAL, Leila. Maurice Leenhardt: antropologia e missão. In: TEIXEIRA, Fausto (Org.). Sociologia da religião. Petrópolis: Vozes, 2003.

BECKER, Howard S. Segredos e truques da pesquisa. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2007.

BERGER, Peter; LUCKMAN, Thomas. A construção social da realidade. Petrópolis: Vozes, 1990.

BERREMAN, Gerald. Etnografia e controle de impressões em uma aldeia do Himalaia. In: GUIMARÃES, Alba Zaluar (org.). Desvendando máscaras sociais. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1980.

BOURDIEU, Pierre; CHAMBOREDON, Jean-Claude; PASSERON, Jean-Claude. A profissão do sociólogo. Petrópolis: Vozes, 2002.

EVANS-PRITCHARD, E. E. Bruxaria, oráculos e magia entre os Azande. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2005 [1937].

GEERTZ, Clifford. Obras e vidas: o antropólogo como autor. Rio de Janeiro: EdUFRJ, 2002 [1988].

JARDIM, Juliana Gomes. O uso da etnografia na pesquisa em educação. In: XI CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 2013, Curitiba: Pontifícia Universidade Católica do Paraná, 2013. p. 1-10. Disponível em: < https://educere.bruc.com.br/CD2013/pdf/10590_6107.pdf>. Acesso em: 20 ago. 2020.

LABURTHE-TOLRA, Philippe; WARNIER, Jean-Pierre. Etnologia, Antropologia. Petrópolis: Vozes, 1997.

LOPES JÚNIOR, Orivaldo Pimentel. O espelho de procrusto: estudos religionistas, igrejas evangélicas e conhecimento científico. 2002. 310 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2002.

NASCIMENTO FILHO, Luiz Gonzaga [Gonzaguinha]. Caminhos do coração. EMI Music Brasil, 1999. 1 CD. Faixa 10.

OLIVEIRA, Luís R. Cardoso de. Pesquisas em versus pesquisas com seres humanos. In: VICTORA, Ceres et al. (org.). Antropologia e ética: o debate atual no Brasil. Niterói: EdUFF, 2004.

OLIVEIRA, Roberto Cardoso de. O trabalho do antropólogo. Brasília: Paralelo; São Paulo: Unesp, 1998.

SANJEK, Roger (ed.). Fieldnotes: the makings of anthropology. Itaca, London: Cornell University Press, 1990.

SILVEIRA, Denise Tolfo; CÓRDOVA, Fernanda Peixoto. A pesquisa científica. In: GERHARDT, Tatiana Engel e SILVEIRA, Denise Tolfo. (org.). Métodos de pesquisa. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2009. Disponível em: <https://lume.ufrgs.br/handle/10183/52806>. Acesso em: 02 jun. 2020.

Creative Commons License

Este trabalho está licensiado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2020 A Revista Prática Docente tem o direito de primeira publicação

Downloads

Não há dados estatísticos.