ATIVIDADES EXPERIMENTAIS DE ELETRODINÂMICA CONSTRUÍDAS POR ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL
PDF
.

Métricas

  • Visualizações 55
  • PDF downloads: 26

Palavras-chave

Experimental activities. Physics education. Physics teaching for visually impaired students. Inclusion. Atividades Experimentais.
Ensino de Física
Física para Alunos com Deficiência Visual
Inclusão.

Como Citar

EVANGELISTA, F. L.; SILVA, S. S. da. ATIVIDADES EXPERIMENTAIS DE ELETRODINÂMICA CONSTRUÍDAS POR ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL. Revista Prática Docente, [S. l.], v. 6, n. 1, p. e010, 2021. DOI: 10.23926/RPD.2021.v6.n1.e010.id906. Disponível em: http://periodicos.cfs.ifmt.edu.br/periodicos/index.php/rpd/article/view/906. Acesso em: 17 abr. 2021.

Resumo

Os estudantes com deficiência visual carecem de abordagens didáticas que os incluam no ambiente de ensino regular. O objetivo dessa pesquisa é a elaboração e análise de uma proposta para discutir conceitos clássicos de Eletrodinâmica, junto a estudantes com essa especificidade. Para tanto, adotou-se a abordagem qualitativa, delineada pelo Estudo de Campo, no qual, a partir da coleta de dados e análise do material de um ensaio piloto, foram construídas as categorias de análise e reelaborada uma nova sequência didática para ser aplicada posteriormente. A partir de atividades experimentais, categorizadas na literatura, foram desenvolvidas algumas adequações ao material e ao procedimento metodológico para a planejamento piloto, aplicado junto à Associação Catarinense de Integração do Cego (ACIC) com a participação de seis alunos com deficiência visual e com idades entre 20 e 35 anos. As avaliações da pertinência destes materiais e do procedimento apresentaram-se como essenciais à reestruturação de uma segunda sequência didática. Como resultado, aponta-se algumas características dos materiais e procedimentos, consideradas relevantes para o auxílio no processo de ensino e aprendizagem de estudantes com e sem deficiência visual no ensino regular.
10.23926/RPD.2021.v6.n1.e010.id906
PDF

Referências

ALVES FILHO, José de Pinho. Atividades Experimentais: do Método à Prática Construtivista. 2000. 302 f. Florianópolis: Tese (Doutorado em Educação: Ensino de Ciências Naturais) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2000. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/79015. Acesso em: 14 jan. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. Lei de Diretrizes e bases da educação (n.939496). Brasília, DF, 1996. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/ldb.pdf]. Acesso em: 14 jan. 2021.

CAMARGO, Eder Pires de. O Ensino de Física no Contexto da Deficiência Visual: elaboração e Condução de Atividades de Ensino de Física para Alunos Cegos e com Baixa Visão. 2018. 272 f. Campinas: Tese (Doutorado em Educação para a Ciência) – Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, 2005. Disponível em:

http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/252902. Acesso 14 jan. 2021.

CARNEIRO, Eudocha et al. EXPERIMENTO ADAPTADO PARA ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA VISUAL: ESTUDO DA RELAÇÃO SOLUBILIDADE VERSUS TEMPERATURA. Revista Areté| Revista Amazônica de Ensino de Ciências, v. 9, n. 18, p. 173-181, 2017. Disponível em: http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/214. Acesso em: 14 jan. 2021

CAT-Comitê De Ajudas Técnicas. Ata da Reunião VII, de dezembro de 2007 do Comitê de Ajudas Técnicas. Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República (CORDE/SEDH/PR), 2007. Disponível em:

https://www.assistiva.com.br/Ata_VII_Reunião_do_Comite_de_Ajudas_Técnicas.pdf. Acesso 14 jan. 2021.

COLL, César; POZO, Juan Ignacio; SARABIA, Barnabé; VALLS, Enric. Os conteúdos na reforma: ensino e aprendizagem de conceitos, procedimentos e atitudes. Porto Alegre: Artmed, 2000

DE SOUZA, Flaviane Cristine Santos; PALMA, Francisco Rodrigo Chagas. Proposta de um sistema de representação da reflexão da luz em um espelho esférico para alunos com deficiência visual. Revista Areté| Revista Amazônica de Ensino de Ciências, v. 9, n. 20, p. 67-71, 2017. Disponível em: http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/247. Acesso em: 14 jan. 2021.

DRIVER, Rosalind. Psicologia cognitiva y esquemas conceptuales de los alumnos. Enseñanza de lãs Ciências, v.4, n.1, p.3-15, 1986. Disponível em: https://www.raco.cat/index.php/Ensenanza/article/view/50854. Acesso em 14 jan. 2021.

EVANGELISTA, Fábio Lombardo. O ensino de corrente elétrica a alunos com deficiência visual. 2008. 198f. Florianópolis: Dissertação (Mestrado em Educação Científica e Tecnológica). Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2008. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/91552. Acesso em 14 jan. 2021.

EVANGELISTA, Fábio Lombardo. Física para pessoas com deficiência visual: ensino de corrente elétrica- Volume 1. 1 ed. Concórdia: Jucimar Peruzzo, 2019.

FACCIO, Miguel. et al. Força e movimento: concepções alternativas no Ensino Superior. Revista Educar Mais, v. 3, n. 2, p. 173-191, 2019.

FREITAS, Wesley Ricardo de Souza; JABBOUR, Charbel José Chiappetta. O Estudo de Caso (s) como Estratégia de Pesquisa Qualitativa: fundamentos, roteiros de aplicação e pressupostos de excelência. In: XXX ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 2010, São Carlos: UFSCAR, 2010. Disponível em: http://www.abepro.org.br/biblioteca/enegep2010_tn_sto_122_790_15342.pdf. Acesso em 14 jan. 2021.

GALVÃO FILHO, Teófilo Alves. Tecnologia assistiva para uma escola inclusiva: apropriação, demanda e perspectivas. 2009. 346f. Salvador: Tese (Doutorado em Educação)- Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2009. Disponível em: https://repositorio.ufba.br/ri/bitstream/ri/10563/1/Tese%20Teofilo%20Galvao.pdf. Acesso em 14 jan 2021.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4a ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GRECA, Ileana Maria; MOREIRA, Marco Antonio. Além da detecção de modelos mentais dos estudantes: uma proposta representacional integradora. Investigações em Ensino de Ciências, v. 7, n.1, 2002. Disponível em: https://www.if.ufrgs.br/cref/ojs/index.php/ienci/article/view/568/360. Acesso em 14 jan. 2021.

GRUPO DE REELABORAÇÃO DO ENSINO DE FÍSICA. Eletromagnetismo. São Paulo: Edusp, 1998. Disponível em: www.if.usp.br/gref/eletromagnetismo.html. Acesso em: 15jan. 2021.

HOFFMANN, Jairo Luiz; NAHIRNE, Ana Paula; STRIEDER, Dulce Maria. Um diálogo sobre as concepções alternativas presentes no ensino das ciências. Arquivos do Museu Dinâmico Interdisciplinar, v. 21, n. 3, p. 90-101, 2017. Disponível em: http://www.periodicos.uem.br/ojs/index.php/ArqMudi/article/view/40944/pdf. Acesso em 14 jan. 2021.

LIMA, Maria da Conceição Barbosa; CASTRO, Giselle Faur de. Formação inicial de professores de Física: a questão da inclusão de alunos com deficiências visuais no ensino regular. Ciência e Educação, v. 18, n. 1, p. 81-98, 2012. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ciedu/v18n1/06.pdf. Acesso em 14 Jan 2021

MASINI, Elcie Aparecida Fortes Salzano. Impasses sobre o Conhecer e o Ver. In: O perceber e o relacionar-se do deficiente visual: orientando professores especializados. Brasília: CORDE, 1994.

OLIVEIRA, Dirlene Aparecida de. Concepções espontâneas sobre o conceito de movimento entre estudantes de física (mecânica) da UFFS-Campus Laranjeiras do Sul. 2018. 47f. Laranjeiras do Sul: Monografia (Conclusão de curso de Licenciatura Interdisciplinar em Educação do Campo)- Universidade Federal da Fronteira Sul, 2018. Disponível em: https://rd.uffs.edu.br/bitstream/prefix/2956/1/OLIVEIRA.pdf. Acesso em 14 jan. 2021.

PIETROCOLA, Mauricio. Construção e realidade: o papel do conhecimento físico no entendimento do mundo In: PIETROCOLA, M. (Orgs). Ensino de Física: conteúdo, metodologia e epistemologia numa concepção integradora. Florianópolis: Editora da UFSC, 2001.

PIMENTEL, Andréia Guerra; ARAGON, Glauca Torres. JOGO EDUCACIONAL E MEIO AMBIENTE: ADAPTAÇÃO DE UM LIVRO-JOGO PARA ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL. Revista Areté| Revista Amazônica de Ensino de Ciências, v. 11, n. 24, p. 156-165, 2019. Disponível em: http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/1540/961. Acesso em: 14 jan. 2021.

SANTOS, Pâmela Mello dos. Evolução biológica na perspectiva de estudantes do ensino médio: das concepções espontâneas aos saberes escolares. 2017.118f. Santa Maria: Dissertação ( Mestrado em Educação em Ciências)- Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2017. Disponível em: https://repositorio.ufsm.br/bitstream/handle/1/14092/DIS_PPGEC_2017_SANTOS_PAMELA.pdf?sequence=1eisAllowed=y. Acesso em: 14 jan. 2021.

SOLIS VILLA, R. Ideas intuitivas y aprendizage de las ciencias. Enseñanza de las Ciencias, v.2, n.2, p.1-19, 1984.

SOUZA, Olga Solange Herval. Nas entrelinhas da inclusão escolar de alunos com necessidades educativas especiais: o desafio da formação docente. 2002. 194 f. Porto Alegre: Tese (Doutorado em Educação) Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2002.

VIENNOT, Laurence. Spontaneous reasoning in elementary dynamics. European Journal of Science Education, v.1, n.2, p.205-221, 1979.

VYGOTSKI, Lev Semionovitch. Obras escogidas- III. Problemas del desarrollo de la psique. 1a. ed. Madrid: A. Machado Libros S. A, 2013.

Creative Commons License

Este trabalho está licensiado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2021 A Revista Prática Docente tem o direito de primeira publicação

Downloads

Não há dados estatísticos.