ENSINO DE QUÍMICA POR INVESTIGAÇÃO: CONCEPÇÕES DE ESTUDANTES DE UMA ESCOLA PÚBLICA DO ESTADO DE MATO GROSSO
PDF

Palavras-chave

Ensino por investigação
Aulas práticas
Aulas teóricas.

Como Citar

VENDRUSCOLO, T. S.; CASTRILLON, M. A. de S.; SANTOS, O. A. M. dos. ENSINO DE QUÍMICA POR INVESTIGAÇÃO: CONCEPÇÕES DE ESTUDANTES DE UMA ESCOLA PÚBLICA DO ESTADO DE MATO GROSSO. Revista Prática Docente, [S. l.], v. 4, n. 2, p. 610-620, 2019. DOI: 10.23926/RPD.2526-2149.2019.v4.n2.p610-620.id465. Disponível em: http://periodicos.cfs.ifmt.edu.br/periodicos/index.php/rpd/article/view/465. Acesso em: 3 mar. 2021.

Resumo

O objetivo deste trabalho foi apresentar os resultados de uma pesquisa de campo que buscou identificar a opinião de estudantes do ensino médio sobre a utilização de aula prática no ensino de Química. Para obtenção dos dados foi aplicado um questionário a 102 alunos das três séries (3 turmas/série) do Ensino Médio. A análise das respostas demonstrou que os professores de química desses alunos realizam atividades práticas com frequência, aliando a teoria com a prática.  Segundo a opinião dos entrevistados, o desenvolvimento de aulas teóricas aliadas as aulas práticas tornou o estudo da química mais interessante e motivador, além de facilitar a compreensão do conteúdo estudado.
https://doi.org/10.23926/RPD.2526-2149.2019.v4.n2.p610-620.id465
PDF

Referências

ANDRADE, Marcelo Leandro Feitosa; MASSABNI, Vânia Galindo. O desenvolvimento de atividade práticas na escola: um desafio para os professores de ciência. Ciência & Educação, Campinas. o, v. 17, n. 4, p. 835-854, 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ciedu/v17n4/a05v17n4.pdf. Acesso em: 02 abr. 2019.

BRASIL. Orientações Curriculares para o Ensino Médio: ciências da natureza, matemática e suas tecnologias. Vol 2. Brasília: MEC/SEB, 2006.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais (Ensino Médio). Parte III – Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias. Brasília: MEC/SEB, 1999.

BOUZON, Júlia Damazio; BRANDÃO, Juliana Barreto; SANTOS, Taís Conceição dos; CHRISPINO, Álvaro. O Ensino de Química no Ensino CTS Brasileiro: uma Revisão Bibliográfica de Publicações em Periódicos. Quím. nova esc., São Paulo,v. 40, n. 3, p. 214-225, 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.21577/0104-8899.20160126. Acesso em: 28 mar. 2019.

CARVALHO, Anna Maria Pessoa de. et al. Ensino de ciências por investigação: condições para implementação em sala de aula. 1a. ed. São Paulo, SP: Cengage Learning, 2013.

DEMO, Pedro. Educar pela pesquisa. 7. ed. Campinas: Autores Associados, 2011.

DOMINGUEZ, Sérvulo Folgueras. As experiências em química. São Paulo. EDART, 1975.

GALLLON, Mônica da Silva; SILVA, Carla Melo; GALLE, Lorita Aparecida Veloso; MADRUGA, Zulma Elisabete de Freitas. Concepções de estudantes do ensino médio sobre a relevância do componente curricular de química. Conhecimento ONLINE, Novo Hamburgo. v.1, n. 10, p. 3-13, 2018. Disponível em: https://periodicos.feevale.br/seer/index.php/revistaconhecimentoonline/article/view/1178. Acesso em 15 de mar. 2019.

LIMA, José Ossian Gadelha de; ALVES, Idarlene Marcelino Rodrigues. Aulas experimentais para um ensino de Química mais satisfatório. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia. v.9, n.1, p. 428-447. 2016. Disponível em: https://periodicos.utfpr.edu.br/rbect/article/download/2913/2975. Acesso em: 18 de mar. 2019.

LÜDKE, Menga; ANDRÉ, Marli. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. Rio de Janeiro: EPU, 2013.

MORAES, Roque; RAMOS, Maurivan Güntzel; GALIAZZI, Maria do Carmo. Aprender Química: Promovendo excursões em discursos da química. ZANON, L.B; MALDANER, O. (org.). Fundamentos e propostas de ensino de química para a educação básica no Brasil. Ijuí: UNIJUÍ, p. 191-209, 2012.

PERUZZI, Sarah Luchese; FOFONKA, Luciana. A importância da aula prática para a construção significativa do conhecimento: a visão dos professores das ciências da natureza. Revista educação ambiental em ação, n. 47, p. 1-12, 2014. Disponível em: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=1754. Acesso em 08 de mar. 2019

PINTO, Angelo. O ensino médio de química: o que fazer para melhorá-lo?. Journal of the Brazilian Chemical Society. v. 23, n. 6. p. 985-986, 2012. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0103-50532012000600001. Acesso em: 10 de fev. 2019.

QUEIROZ, Salete Linhares; ALMEIDA, Maria José. Do fazer ao compreender ciências: reflexões sobre o aprendizado de alunos de iniciação científica em química. Ciência e Educação, v.10, n.1, p. 1-14, 2004. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1516-73132004000100003&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 01 de mar. 2019.

ROMEY, Willian. Inquiry techniques for teaching science. Prentice-Hall, New Jersey, Trentice Hall, 1968.

RONQUI, Ludimilla; SOUZA, Marco Rodrigo de; FREITAS, Fernando Jorge Coreia de. A importância das atividades práticas na área de biologia. Revista científica da Faculdade de Ciências Biomédicas de Cacoal– FACIMED. 2009. Disponível em: http://www.facimed.edu.br/site/revista/pdfs/8ffe7dd07b3dd05b4628519d0e554f12.pdf. Acesso em: 21 de marc. 2019.

SANTOS, Wildson Luiz Pereira dos; SCHNETZLER, Roseli Pacheco. Educação Química. 4ª ed. Ijuí: UNIJUÍ. 2014.

SALESSE, Anna Maria Teixeira. A experimentação no ensino de química: importância das aulas práticas no processo de ensino aprendizagem. 2012. 40 f. Medianeira: Monografia (Especialização em Métodos e Técnicas de Ensino, Modalidade de Ensino a Distância) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Medianeira, 2012. Disponível em: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/bitstream/1/4724/1/MD_EDUMTE_II_2012_21.pdf. Acesso em: 11 de fev. 2019.

SCHWAHN, Maria Cristina Aguirre; OAIGEN, Edson Roberto. Objetivos para o uso da experimentação no ensino de química: a visão de um grupo de licenciados. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS. 12, 2000, Florianópolis. Anais... Florianópolis: ENPEC, 2000. p. 1-12. Disponível em: http://posgrad.fae.ufmg.br/posgrad/viienpec/pdfs/933.pdf. Acesso em: 08 de fev. 2019.

Downloads

Não há dados estatísticos.