MODELOS DIDÁTICOS DE PROFESSORES FORMADORES DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA EM MATO GROSSO
PDF
.

Métricas

  • Visualizações 549
  • PDF downloads: 139

Palavras-chave

Formação de Professores de Química
Professores Formadores
Modelos Didáticos.

Como Citar

RIBEIRO, M. T. D.; GONÇALVES, A. E. S.; ALVES, H. R.; SOARES, E. C. MODELOS DIDÁTICOS DE PROFESSORES FORMADORES DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA EM MATO GROSSO. Revista Prática Docente, [S. l.], v. 4, n. 2, p. 594-609, 2019. DOI: 10.23926/RPD.2526-2149.2019.v4.n2.p594-609.id443. Disponível em: http://periodicos.cfs.ifmt.edu.br/periodicos/index.php/rpd/article/view/443. Acesso em: 20 abr. 2021.

Resumo

Este artigo busca a compreensão dos processos de ensino e aprendizagem em Química, e Formação de Professores, e que compôs parte do texto da pesquisa do trabalho de monografia intitulado: Modelos Didáticos de Professores Formadores do curso de Licenciatura em Química em Mato Grosso desenvolvido no semestre de 2017/1. Neste sentido, visando compreender as concepções explícitas e não explícitas, que configuraram o fazer pedagógico de cada docente, este estudo parte da problematização norteada pelas seguintes questões: qual a diferença entre um Químico pesquisador e um Químico professor de Química? E qual o modelo didático preponderante assumido por esses formadores de professores? Os participantes da pesquisa foram nove professores da área de referência do curso de Licenciatura em Química de uma Instituição de Ensino Superior no estado de Mato Grosso. Para o registro de informações se optou pela aplicação de um instrumento de identificação de provável modelo didático dos professores formadores da área de referência, e um questionário exploratório, e a observação participante. Entre os resultados se demonstra que os professores possuem modelo didático do tipo eclético, revelando, portanto, uma indefinição em suas visões do processo de ensino e aprendizagem em Química.
10.23926/RPD.2526-2149.2019.v4.n2.p594-609.id443
PDF

Referências

CARVALHO, Ana Maria Pessoa; PÉREZ, Daniel Gil-. Formação de Professor de Ciências. 10. Ed. São Paulo: Cortez, 2011.

CHROBAK, Ricardo. Mapas conceituales y modelos didacticos de professors de química. In: Conference on Concept Mapping, 2, Congreso Internacional sobre Mapas Conceptuales, 2, 2006, San José, Costa Rica. Anais eletrônicos. San José: CMC, 2006, Sept. 5 – 8, 2006. Disponível em: <http://cmc.ihmc.us/cmc2006Papers/cmc2006-p215.pdf> Acesso em: 19 de dez. 2018.

GARCÍA PÉREZ, Francisco. Los modelos didácticos como instrumento de análisis y de intervención em la realidad educativa. Revista Electrónica de la Universidad de Barcelona, Barcelona, n. 207, 2000. Disponível em: <https://idus.us.es/xmlui/handle/11441/17136> Acesso em: 19 de dez. 2018.

GODOY, Arilda Schmidt. Pesquisa qualitativa - tipos fundamentais. Revista de Administração de Empresas, v. 35, n. 3, 1995.

GUIMARÃES, Margaret Avelar Guimarães .; ECHEVERRÍA Augustina Rosa.; MORAES Itamar José. Modelos didáticos no discurso de professores de Ciencias. Revista Eletrônica de Investigação em Ensino de Ciências, Porto Alegre, v. 11, n. 3, 2006. Disponível em: <http://www.if.ufrgs.br/ienci/artigos/Artigo_ID155/v11_n3_a2006.pdf> Acesso em: 19 de dez. 2018.

JÍMENEZ, Vicente Mellano. ¿Por quê a los profesores de Ciencias nos cuesta tanto cambiar nuestras concepciones y modelos didácticos? Revista Interuniversitaria de Formación del profesorado, n. 40, 2001, p. 17- 30. Disponível em: <http://www.aufop.com/aufop/uploaded_files/articulos/1223575368.pdf> Acesso em: 19 de dez. 2018.

MALDANER, Otavio Aloísio. A Formação Inicial e Continuada de professores de Química. Ijuí: Unijuí, 2000.

MALDANER, Otávio Aloísio .; ZANON, Lenir Basso .; AUTH, Milton Antonio. Pesquisa sobre Educação em Ciências e Formação de Professores. In: SANTOS, F.M.; GRECA, I.M. (Orgs). A Pesquisa em Ensino de Ciências no Brasil e suas Metodologias. Ijuí: Unijuí: 2006, p. 49-88.

MORAES, Roque. Análise de conteúdo. Revista Educação, Porto Alegre, v. 22, n. 37, p. 732, 1999.

SANTAELLA, Cristina Moral. Formación para la profesión docente. Revista Interuniversitaria de Formación del profesorado. n. 37, 2000, p. 171-186.

SANTOS Jr, João Batista ; MARCONDES, Maria Eunice Ribeiro . Identificando os modelos didáticos de um grupo de professores de química. Revista Ensaio, v. 12, n. 3, 2010, p. 101 – 116.

SCHNETZLER, Roseli Pacheco.; A pesquisa em Ensino de Química no Brasil: conquistas e perspectivas. Química Nova, v.25, p.14-35, jul.2002.

YIN, Robert. Estudo de caso: planejamento e métodos/Robert K. Yin. Trad. Daniel, 2001.

Downloads

Não há dados estatísticos.